Jornal Athos LogoJornal Athos

Paulo, o Apóstolo de Cristo - O filme

Paulo, o Apóstolo de Cristo - O filme

sexta, 04 de maio de 2018

Estreou o filme mais aguardado do ano pelos cristãos. “Paulo, Apóstolo de Cristo” está nos cinemas do Brasil contando a história do maior perseguidor dos crentes do primeiro século, que após ter um encontro com Cristo, teve sua vida transformada. No longa, os ensinamentos sobre amor, misericórdia e graça são apresentados. Com o subtítulo de “Onde abundou o pecado, transbordou a graça”, se referindo ao texto de Romanos 5:20, a produção conta o testemunho de vida do homem que se transformou de perseguidor a propagador do Evangelho.
 
Lançamento da Sony Pictures, com produção da Affirm Films, estúdio especializado em filmes baseados na fé, “Paulo, Apóstolo de Cristo” conta com um elenco de renomados atores. Além disso, muito do que é valorizado pelos cristãos ficou nas mãos do diretor e roteirista do filme, Andrew Hyatt: A fidelidade do que é retratado no longa às escrituras bíblicas.
 
“Sempre começamos com as escrituras em primeiro lugar, pois, tudo precisa ter a Palavra como referência. Essa é a prioridade”, lembrou o renomado diretor que é cristão e salienta o poder evangelístico do filme.
 
“Espero que a igreja vá assistir ao filme, mas eu adoraria que ele atraísse aos que estão em dúvida da sua fé ou sentem que não podem ser perdoados por Deus e que sua graça não seria grande suficiente. Esse filme mostra que é”, ressalta.
 
No elenco, protagonistas consagrados como James Faulkner (Paulo de Tarso) conhecido por diversos papéis em filmes e séries como “Game Of Trones”, e Jim Caviezel (Lucas) que interpretou Jesus Cristo no longa “A Paixão de Cristo”.
Em depoimento disponibilizado pela Sony Pictures, os protagonistas falaram sobre o filme e a mensagem apresentada por ele.
 
“Um filme emocionante e comovente, com um final maravilhoso. A redenção é oferecida, e é clara”, diz James Faulkner. “Paulo tem uma grande influência e lida com muitas pessoas. Há momentos que ele precisa demonstrar muita coragem e grande estoicismo em face da adversidade, mas é capaz de ser um ser humano genuíno e isso faz com que as pessoas o escutem”, analisa o ator.
 
Jim Caviezel salienta a mensagem de amor do longa. “Deus nos ama antes dos nossos pecados, depois dos pecados e até durante o nosso pecado. E muitos dizem: ‘não, Deus não tem esse tipo de graça. Deus não tem um coração tão grande’. Ele tem. Ele nos ama”, ressalta o ator que interpreta o médico Lucas.
 
O longa de 1h e 46 minutos se passa no final da vida de Paulo, quando ele tinha aproximadamente 71 anos de idade. O drama retrata as dificuldades enfrentadas pelos cristãos do primeiro século que lutam contra as maldades do imperador Nero. Paulo e Lucas encorajam os crentes a se manterem firmes na fé.
 
“Paulo, Apóstolo de Cristo” carrega consigo uma mensagem que já tem tocado o coração de muitos. Para a campanha nacional de lançamento do filme, foram realizadas mais de 25 pré-estreias e cabines para influenciadores, artistas e grandes líderes religiosos por todo país. Foram mais de 7 mil pessoas impactadas diretamente e, todas elas, com opinião unânime sobre a história.
 
O Pastor Bruno Gonçalves da igreja Bola de Neve, da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, relatou que o filme é surpreendente. “O longa mostra bem a realidade e contexto histórico que Paulo vivia na época. Mas, o que mais me chamou atenção é ver os versículos que tanto lemos na Bíblia nos diálogos entre os personagens. Além, é claro, de perceber nas telonas o desejo e paixão de Paulo pela obra de Deus. Isso nos ensina muito. Edificante” concluiu.
 
Fontes: gospelprime | folhagospel
Veja Também